Pipoca doce de caramelo
Pipoca doce de caramelo

Sabe aquela pipoca que você encontra no cinema? Aquele cheirinho de caramelo que carrega você pra fila do caixa? Pois é... é essa!

por Joyce Galvão - 14/06/2020

ESSA RECEITA

(1) VOCÊ QUER A BOA OU A MÁ NOTÍCIA PRIMEIRO?

 

A BOA: NÃO PRECISA DE PIPOQUEIRA PARA FAZER ESSA RECEITA!

A MÁ: VOCÊ VAI COMER TUDO EM POUCOS MINUTOS! É VICIANTE! “ÇOCORRO”! ?

 

(2) RENDE PIPOCA SUFICIENTE PARA MARATONAR SUA SÉRIE FAVORITA!

 

(3) DEPOIS DE PRONTA, COLOQUE EM POTE HERMÉTICO E MANTENHA EM AMBIENTE FRESCO E SECO. ELA DURA ATÉ 1 SEMANA BEM FRESQUINHA E CROCANTE!

INGREDIENTES

AH!

*pode substituir por leite integral, leite de coco, creme de leite de caixinha…

    • 1 xícara (chá) | 200g
      milho pipoca
    • 1 colher (sopa) | 10g
      manteiga sem sal
    • ¾ xícara (chá) | 135g
      açúcar refinado
    • 1 colher (sopa) | 15mL
      creme de leite fresco*
    • 1 colher (chá) | 5g
      fermento químico em pó
    • 2 colheres (sopa) | 20g
      manteiga sem sal
    • 1 pitada | 1g
      flor de sal

FICA A DICA

Flor de sal é um tipo de sal de cristais muito delicados que derretem na boca de maneira suave. Diferente do sal de mesa, que é mais agressivo ao paladar, ele serve para finalizar preparações e fica perfeito com caramelo!

 

A flor de sal é colhida da superfície de leitos de sal marinho, por isso é um produto caro e raro. O processo da produção de flor de sal foi originalmente desenvolvido no sudoeste da França, em Guérande, no ano de 945 por monges da abadia de Landévennec.

 

Se não quiser, ou não encontrar, omita da receita!

COMO PREPARAR

AH!

CUIDADO PARA NÃO QUEIMAR O CARAMELO! Se você tiver um termômetro cerca de 120 graus é suficiente!

    • Em uma panela grande coloque a manteiga e o milho de pipoca. Espere a manteiga derreter, misture e tampe.
    • Mexa a panela de vez em quando, segurando com auxílio de um pano de prato no cabo e na tampa fechada para os grãos não queimarem.
    • Quando o intervalo entre um estouro e outro for maior do que 2 segundos, desligue o fogo e reserve a pipoca na panela. Ela precisa estar quentinha para que o caramelo se espalhe melhor!
    • Em uma panela pequena caramelize o açúcar em fogo baixo.
    • Junte o creme de leite e então a manteiga. Mexa com um fouet até homogeneizar a mistura. Vai parecer uma pasta com textura de doce de leite (é assim mesmo! Se você achou que “deu ruim” é porque está fazendo certo!!!)
    • Coloque o fermento e misture até a calda aerar bem. É essa aeração que vai ajudar o caramelo a grudar na sua pipoca?
    • Regue a pipoca imediatamente com a calda quente e mexa bem para misturar e envolver toda a pipoca.
    • Espalhe a pipoca em uma assadeira forrada com tapete de silicone e leve ao forno preaquecido a 150 °C por 8-10 minutos para a pipoca secar e ficar mais crocante!
    • Cuidado com o forno! É só para a pipoca secar. Não deixe o caramelo derreter e queimar. Se necessário ajuste o tempo!
    • Retire do forno, polvilhe o sal, aguarde esfriar e já pro sofá!

FICA A DICA

A quantidade sugerida de calda de caramelo não vai deixar a sua pipoca completamente envolvida pelo caramelo. Isso faz com que ela não fique tão doce! Se você preferir sua pipoca mais caramelada, como da foto, basta dobrar a receita da calda

Confira artigos relacionados!

Métodos para produzir caramelo

Métodos para produzir caramelo

A calda de açúcar vai do pudim ao sorvete! Há quem fuja só de pensar em fazer caramelo, por isso antes de queimar a panela, ops!, colocar a mão na massa, aprenda como lidar com o caramelo!
Saiba mais
Bolo Pipó da All about cakes

Bolo Pipó da All about cakes

Andar pelas ruas e sentir o cheirinho de pipoca doce é um dos momentos que fazem a vida valer a pena. Quando em casa a vontade bate e o pipoqueiro não estiver por perto, a ordem é ir para a cozinha e preparar a sua própria pipoca doce. Mas ainda, se ela se juntar a um bolo fofinho de chocolate recheado com um creme de caramelo, tudo vira festa!
Saiba mais
Translate »