Confeitarias em Paris
Confeitarias em Paris

Para comer os melhores doces de Paris

Quando em Paris, coma doces como se não houvesse amanhã!!!! O que não falta na cidade são doces incríveis! Para não se perder, dá só uma olhada nas minhas 11+ confeitarias favoritas da cidade!

por Joyce Galvão - 25/05/2018

Eu já sei que aí no seu itinerário está escrito para você “visitar a fila” do Cedric Grolet no Le Meurice, o hype do momento! Talvez Pierre Hermé e Ladurée que são clássicos, e um chá na Angelina. Certo?

Só que eu sei que, se você chegou até esse guia, é porque você quer saber sobre aquele lugarzinho imperdível que ninguém conta! Aquele ponto que só um parisiense indicaria, daquele doce inesquecível….

Vou falar para você fugir das confeitarias turísticas? Não… Vale a pena? Olha, depende de quantos euros você tem disponível e qual o seu objetivo. Se é a sua primeira vez em Paris, é sempre bom se decepcionar com um doce francês! Brincadeira…. (com verdades!) Entretanto, é preciso viver Paris, ter um caso com a cidade para só então entender o porquê de cada indicação ser tão especial.

Pode ser que você vá em qualquer uma das lojas que vou indicar e não sinta o que eu senti, porque especialmente aquele sabor, aquele momento e aquela descoberta foram importantes para mim, e não necessariamente serão para você. Por isso, se for seguir esse guia, faça o possível para ser um momento especial, e não um ponto para riscar do mapa!

Por fim, preciso dizer que existem confeiteiros que marcaram minha história (como Pierre Hermé), sabores que preciso reviver sempre que volto (e nem sempre estão como os deixei) e saudades que preciso sentir mais uma vez, como deixar para trás o sorvete de caramelo salgado da Berthillon em um dia de chuva depois de dar um “até longo” à Catedral de Notre-Dame.

PIERRE HERMÈ PARIS

Pierre Hermé foi o precursor dos chefs contemporâneos e da alta confeitaria francesa autoral. Eleito o melhor confeiteiro do mundo em 2016, é colecionar de títulos como Picasso da pâtisserie e Dior da confeitaria! 

O estilo de Pierre Hermè é inconfundível e se mantém firme ao que vem dando certo. A tempos o pai da confeitaria moderna não traz tantas inovações como um dia já se fez! E isso, para alguns, pode soar decepcionante… Pode ser que eu seja a única a pensar isso, mas ninguém superou o Hermé ainda. Nem o Cedric Grolet! Tudo bem que são confeiteiros de diferentes gerações e, talvez, Cedric esteja marcando um novo ciclo na confeitaria francesa assim como Pierre Hermè o fez a 10 anos atrás.

Clássico obrigatório em sua visita a Paris. Para mim, o melhor macaron da cidade. Ouso dizer do mundo, já que ele tem se espalhado por diversos outros cantos do globo… Se puder escolher, aposte na loja da 72 rue Bonaparte no 6ème, a primeira loja inaugurada na cidade. Meu primeiro encontro foi com o inesquecível 2000 feuilles com praline que eu me esbaldei comendo de pijama, na cama do meu hostel mal assombrado, em MontMartre. Porém, o que me faz voltar a Paris é, e sempre será, o macaron de chocolate com maracujá.

ANOTE O ENDEREÇO

Pierre Hermè Paris

72 rue Bonaparte, 6ème – Paris

 

ROSE BAKERY & LA CHAMBRE AUX CONFITURES

Você está em Paris, querendo ver lojas específicas de Paris. Certo? Só que eu preciso indicar um lugar que também está em Londres, Nova Iorque, Tokyo e Los Angeles (e vale ir em todas elas ao redor do mundo!). Sabe por quê? Porque vale a pena! Só que você tem que fazer como vou te falar!

Se você estiver no Pigalle, tome café da manhã aqui. Um scone quentinho, uma fatia de bolo e um chocolate quente. Se não for tomar café e estiver de passagem pelo bairro, um café com pedaço de bolo e um scone. Um gole, um descanso, uma abocanhada no scone.

Terminou? Aproveite que você já está na rue des Martyrs e vá até a loja de geleias de Lise Beienaimé, La Chambre aux Confitures. Compre quantos potes puder carregar, sério! Leve todos e mais um pouco! Tudo bem que eles enviam geleias pelos correios para o mundo todo, mas é sempre bom garantir em Paris!

Estamos em um mundo globalizado, supere isso e siga minha curadoria! 😋 Depois das compras, a fome bate! Certo? Caminhe até Buvette Gastrothéque, um bar com ares de café e uma trilha sonora que faz você querer ligar o Shazam sem parar! E sim, tem em Nova Iorque e em Tokyo!

Um croque-monsieur, uma taça de vinho e pronto! Você pode voltar ao hotel, tomar um banho e se preparar para iniciar a noite em Paris!

ANOTE O ENDEREÇO

ROSE BAKERY

46 rue des martyrs, 9ème – Paris

 

LA CHAMBRE AUX CONFITURES

9 rue des Martyrs, 9ème – Paris

 

BUVETTE GASTROTHÉQUE 

28 Rue Henry Monnier, 9ème – Paris

Le Chocolat Alain Ducasse

Joyce, Joyce! Uma chocolateria! Qual eu vou sem nem fraquejar e entrar no Patrick Roger? – você pergunta!

Corra pra Le Chocolat! E sim, compre todas as barras que puder, mas se for necessário escolher UM item, mergulhe com força no coração nas pralinés à l´ancienne. Suspire, vá ao céu, volte e siga caminhando por Paris (flutuando).

Em um prédio escondido, perto da Bastille, o chef chocolatier Nicolas Berger, produz barras de chocolate de todos os tipos, com cacau selecionado do mundo todo e, produzido por diferentes técnicas como a non conché, ou seja, sem o processo de conchagem, resultando em um chocolate com textura distinta e sabor mais desenvolvido.

Dá para passar o dia todo observando a produção de chocolate pela cozinha envidraçada, sentindo o cheirinho do cacau torrando e namorando a loja mais linda de chocolate que eu já vi na vida!

ANOTE O ENDEREÇO

LA MANUFACTURE DE CHOCOLAT | ALAIN DUCASSE

40 rue de la Roquette, 11ème – Paris (das mais de oito lojas, essa é a mais linda!)

BLÉ SUCRÉ

Fabrice Le Bourdat (ex-confeiteiro do Le Bristol) faz as melhores e mais frescas madeleines da cidade (eleitos pelo Le Figaro em 2014 e para mim seguem sendo…) e também o melhor croissant. E o melhor kouign-amann e o melhor pain au chocolat… Suspiros, suspiros!

Aproveite a visita para conhecer, na rua paralela, o Marché d’Aligre, um dos mercados mais interessantes de Paris que une o Marché Beauvau,  situado na praça Aligre e a feira ao ar livre, cujas barraquinhas cheias de antiguidades invadem a rue Aligre em frente ao Marché Beauvau. É aos sábados que tudo bem mais animado!

Aproveite para caminhar se deliciando com uma madeleine fresquinha nas mãos!

ANOTE O ENDEREÇO

Blé Sucré

7 Rue Antoine Vollon, 12ème – Paris

UN DIMANCHE À PARIS

Um dos meus vários lugares preferidos em toda Paris é uma mistura de pâtisserie, chocolaterie, salão de chá, café-restaurante localizada nos arredores da estação Odeon (linha 10). Un dimanche à paris (que também está agora em Dubai)  é a primeira loja-conceito de Paris inteiramente dedicada ao chocolate, idealizada pelo Chef Pierre Cluizel. 

A loja está localizada em um lugar mágico no coração do histórico bairro de Saint Germain des Prés, em plena Rive Gauche. A “Cour du Commerce Saint-André”, é uma passagem no tempo! Mesmo sendo um lugar movimentado e bem turístico, é impossível não se deslumbrar com o charme da passagem entre o Boulevard Saint Germain e a rue St. André des Arts.

Por isso, uma vez em Un Dimanche à Paris, escolha uma mesa na área externa para observar o movimento da passagem que liga essas ruas e esqueça o relógio (em todos os cantos do mundo, do Brasil ao fim do mundo é sempre minha coisa preferida) com uma xícara de chocolate quente nas mãos!

Ah! Não saia sem trazer na sacola a pasta de chocolate com avelã e as pepitas de chocolate com pimenta!

ANOTE O ENDEREÇO

Un dimanche à Paris

4-8, 6 Cour du Commerce Saint-André, 13ème – Paris

Sadaharu Aoki

Sadaharu Aoki é um chef confeiteiro conhecido por usar ingredientes e sabores tradicionais japoneses em doces super equilibrados de estilo francês com estética minimalista.

Depois de passar um tempo nas confeitarias Jean Millet e Pierre Couderc, o chef trabalhou por vários anos em seu próprio ateliê, criando itens de confeitaria para salões de chá, restaurantes e hotéis de luxo em Paris.

Ele abriu sua primeira confeitaria e chocolateria no 6º arrondissement em 2001. Hoje ele tem três confeitarias em Paris, bem como uma boutique na Lafayette Gourmet, e seus doces também são servidos no Toraya, um salão de chá japonês perto da Place de la Concorde. Além de Paris, Sadaharu tem lojas no Japão e Taipei!

É aqui que você vai conhecer o melhor choux à la crème da vida! Aposte na tarte de caramelo com matcha, eu tenho certeza que você vai se encantar! Ah! Não esqueça dos delicados millefeuilles com recheios de azuki, os macarons de gergelim, wasabi, macha ou yuzu, a barra de chocolate com matcha e as trufas de caramelo!

Com certeza uma das confeitarias que, basta eu colocar os pés em Paris para correr e garantir meus doces!

ANOTE O ENDEREÇO

Sadaharu Aoki

35 Rue de Vaugirard, 7ème- Paris (essa loja está pertinho do Le Jardin Du Luxembourg – então já sabe onde você pode comer com calma seu docinhos!)

LENÔTRE | FAUCHON | LADURÉE

Jamais deixaria de mencionar a santíssima trindade da confeitaria clássica de Paris! O sonho de 10 em cada 10 confeiteirxs e apaixonados por doces!

Para quem não sabe qual caminho seguir, quais confeitarias visitar (e desconhece esse guia), a aposta será em uma dessas três lojas (aposto meu croissant!). Eu sei porque foi a minha aposta na minha primeira vez em Paris e, posso dizer, foi encantador ver de perto tudo aquilo que um dia eu imaginei que poderia ser uma confeitaria francesa.

Por isso, mesmo que você não queria investir em um doce (pois está guardando seus euros para provar as frutas do Cedric Grolet) vá conhecê-las! E, se mesmo assim quiser provar um doce, aposte nas minhas indicações!

Na Lenôtre, fundada pelo pai da confeitaria francesa Gaston Lenôtre e escola de Pierre Hermè, você vai encontrar uma tarte au citron deliciosa (não mais a melhor de Paris, mas muito boa!), na Ladurée a delicadeza dos doces da confeiteira Claire Heitzler que passou a comandar a parte criativa da loja em 2016 – eu apostaria na flor de cereja e rosas. Entretanto, eu só vou na Ladurée pelo macaron de baunilha (mesmo que os do Pierre Hermè estejam sempre em primeiro lugar!), mas Claire sempre roubou meu coração, inclusive foi ela que fez eu me apaixonar pela Des gâteaux e du pain.

na lendária Fauchon, aberta desde 1886 vá para admirar a loja repleta de clássicos franceses e, se quiser arriscar um doce, aposte nas éclairs, verdadeiras obras de arte!

ANOTE O ENDEREÇO

LENÔTRE

10 Rue Saint-Antoine, 11ème – Paris

FAUCHON

11 Place de la Madeleine, 8ème – Paris

LADURÉE

75 Av. des Champs-Élysées, 8ème – Paris

CEDRIC GROLET

Eleito o melhor confeiteiro do mundo, Cedric Grolet, chef pâtissier do icônico Hotel Le Meurice abriu sua primeira loja na rue Castiglione nas redondezas do hotel, em março de 2018. Com uma fila interminável na porta (e entrada controlada de quatro pessoas no máximo) e doces caros, (17 euros os frutos) a proposta de Grolet se tornar clara: oferecer um momento raro em uma compra especial para uma ocasião especial.

Pudera! As tortas e doces são embaladas em caixas que guardam verdadeiras joias, com o exterior imitando mármore branco e o interior dourado (por si só, já vale metade do custo do doce). Os produtos não são expostos em vitrines como uma confeitaria clássica e, a loja que abre ao meio dia fecha quando todos os itens esgotarem (são 1000 peças por dia). Entendeu a fila na porta?

Grolet criou uma assinatura com seus frutos trompe-l´oeil, muito copiados no mundo inteiro (o que a mídia chama de “fazer do Grolet”). As tortas são montadas e finalizadas na frente do cliente garantindo seu frescor e todo mise-en-scène que o confeiteiro adora!

Chegue logo após a abertura e encare a fila, ela anda até que rápido e sim, vale a pena – por isso guarde alguns muitos euros para aproveitar a oportunidade!

Agora, se você tiver tempo, a melhor maneira de conhecer o trabalho do chef é em um chá da tarde no Le Meurice: scones, madeleines fresquinhas, doces clássicos e feitos com perfeição por uma equipe composta por 20 profissionais dedicados e que reverenciam a confeitaria francesa. Um show inesquecível que jamais sairá da sua memória!

ANOTE O ENDEREÇO

LA PATISSÊRIE DU MEURICE PAR CEDRIC GROLET 

6 rue de Castiglione, 1ème – Paris

 

 

foto| agenda parisien – fonte

YANN COUVREUR

As duas lojas do chef Yann Couvreur não fazem jus ao talento e qualidade de seus produtos. Estão sempre lotadas, são apertadas e desconfortáveis, mas vale a pena cada segundo e respiração pedindo por paciência (os franceses podem sim ser um pouco rudes… especialmente em um lugar muito cheio!)

Apesar do chef ter criações muito clássicas e tradicionais, ele sempre busca trazer um frescor contemporâneo aos seus doces, como a éclair retangular e sua célebre mil-folhas de baunilha com telhas finíssimas e crocantes de kouign-amann, montada na hora. Aliás, a proposta de servir sobremesas montadas à la minute é uma das inovações do chef que, além do mil-folhas também apresenta a pavlova com sorbet de frutas vermelhas. Uma perdição!

O Écrin Irish Coffee também tem que estar no seu pedido (azar o seu, não almoce!): uma caixa de merengue que guarda um mocha feito com café da Etiópia, ganache de Bailey’s e creme de baunilha. Alta confeitaria francesa popular que pode ser apreciada sobre um balcão às cotoveladas, admirando a saída da estação de metrô Goncourt. Não vai ser a melhor experiência da sua vida, mas os doces valem super o perrengue!

Ah, além disso, cuidado com o horário para provar as obras do confeiteiro gatão (ele é um charme, não é?). Apesar da loja abrir cedinho para o café da manhã (com croissant fresquinho), as fugues (sobremesas montadas na hora) só são servidas depois do meio dia e, as cotoveladas tem uma razão: são apenas 50 unidades disponíveis por dia.

Ou seja, quer comer doce bom em Paris? Você que lute por ele!

ANOTE O ENDEREÇO

YANN COUVREUR

137 avenue Parmentier, 10ème – Paris

23 Rue des Rosiers, 4ème – Paris

CHRISTOPHE MICHALAK

Michalak passou pela Fauchon e pela Ladurée, mas foi no Plaza Athénée que ele atingiu o ápice da sua carreira para, em 2013 abrir sua primeira confeitaria-escola. Autor de mais de 14 livros de confeitaria, jurado do reality show Qui Sera le Prochain Grand Pâtissier? e estrela do seu próprio programa, Dans la Peau d’un Chef, o confeiteiro apresenta suas criações com um toque pop-rock descontraído e rebelde!

Localizada no 10ème, fora do circuito turístico tradicional e local dos parisienses mais jovens, Michalak atraiu os holofotes e sedimentou sua fama. Já são três lojas, uma no Marais e outra em Saint Germain.
Mas a melhor empreitada foi quando, em parceria com o chef Alain Ducasse, os chefs mais aclamados saíram de seus endereços requintados para testar o público da rua com o Choux d’Enfer by Michalak, o primeiro quiosque de doces de Paris, pertinho da Torre Eiffel. Infelizmente o carrinho que inspirou muitos confeiteiros – inclusive no Brasil – já não existe mais, porém você pode se deslocar para uma das três lojas do chef e pedir por um religieuse caramel beurre salé que é excepcional! E, o melhor de tudo, o confeiteiro tem uma linha take away nomeada de Kosmik perfeita para ser levada para o hotel e degustada com calma e tranquilidade.

Se puder, agende uma aula e aproveite a oportunidade de aprender com um dos melhores confeiteiros da atualidade!

ANOTE O ENDEREÇO

CHRISTOPHE MICHALAK

60 Rue du Faubourg Poissonnière, 10ème – Paris

*update (2020): Claire Heitzler deixou a Ladurée em 2018 e, além do Le Meurice, Cedric Grolet agora comanda a Opéra, na 35 Avenue de l’Opéra

 

foto capa | Unsplash – Colin Maynard

foto La chambre aux confitures | fonte

foto Blé Sucre | divulgação – facebook Blé Sucre

PARA COMER ANTES DE VIAJAR!

Crème brûlée

Crème brûlée

Crème brûllèe certamente é a receita dos apaixonados: apaixonados por baunilha e pela sensação de quebrar a fina casquinha de açúcar com as costas de uma colher! Fácil de fazer é a opção certa para terminar um jantar com chave de ouro!
Saiba mais
La cabosse de chocolat du Pérou

La cabosse de chocolat du Pérou

Em tradução literal: A cabaça de chocolate do Peru foi criada pelo chef Laurent Jeannin em 2013 para o Festival de 24 receitas festivas de chefs estrelados pelo Guia Michelin. A sobremesa é composta por uma casca de chocolate em formato de cacau, feita com chocolate peruano, recheada com mousse de chocolate, streusel e sorbet de chocolate de capim santo.
Saiba mais

PARA SABER MAIS!

Lojas imperdíveis em Paris

Lojas imperdíveis em Paris

Paris é a cidade do amor, da comida, dos sonhos e das lojas mais incríveis de cozinha! Eis aqui o guia das lojas mais incríveis para confeiteiros e apaixonados por comida!!!
Saiba mais
O que ler antes de ir à Paris?

O que ler antes de ir à Paris?

Algumas vezes a saudades de Paris bate forte na memória e no coração. Graças aos livros, na distância de uma palavra, me vejo com uma baguete embaixo do braço caminhando feliz pela ruas mágicas de Paris!
Saiba mais
Translate »